Vinisud: rumo a Paris 2019

Esta edição 2018 de Vinisud foi a primeira organizada sob a égide da Comexposum, após VinoVision Paris (12-14 de fevereiro), o salão dedicado aos vinhos setentrionais que iniciou esta “Wine Week” francesa. Um desafio que, há ainda alguns anos atrás, seria considerado insensato, mas que parece estar a alcançar o sucesso!

 

Se estes três dias não revolucionaram a história dos salões vinícolas, fortaleceram a ideia de que os “vinhos do Sul” – ou mais amplamente os vinhos mediterrânicos – representam uma verdadeira identidade e atraem multidões. Os habituais polos de atração do salão desempenharam o seu papel ao máximo: o Palácio Mediterrâneo animado pela União dos Enólogos de França da região do Languedoc Roussillon para os vinhos tranquilos, a Sparkling Zone para os frisantes (mais 60 % de amostras em relação ao ano de 2017), ou ainda a Nova Vaga que regista um aumento de 50 % dos seus participantes em relação à sua primeira edição do ano passado.

Globalmente, os exponentes estão bastante satisfeitos, embora se coloque a questão do início dominical que não registou uma grande adesão, longe disso! A afluência foi relativamente boa e as trocas de qualidade para os 1420 exponentes oriundos de 16 países, sendo que os números fornecidos pelos organizadores anunciavam 25.500 visitantes profissionais, dos quais 28 % de compradores internacionais vindos de 76 países. Dados que deixam antever o sucesso da edição de 2019, que verá ambos os salões organizados em conjunto em Paris, antes do regresso em 2020 em Montpellier.

 

Encontramo-nos, portanto, em 2019 em Paris para descobrir novamente “o melhor dos vinhos setentrionais e o melhor dos vinhos do Sul num evento ao qual não pode faltar”, retomando as palavras de Fabrice Rieu, Presidente de Vinisud!

 

Sylvain Patard,

22/02/2018